26 de agosto de 2011

Obama declara estado de emergência em NY devido a furacão Irene

Barack Obama fala em entrevista coletiva em Martha's Vineyard, onde passa as férias com a família. Foto: AP

Barack Obama fala em entrevista coletiva em Martha's Vineyard, onde passa as férias com a família
Foto: AP

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou nesta sexta-feira o estado de emergência federal para Nova York perante a chegada este fim de semana do furacão Irene, informou a Casa Branca. Obama ordenou também a provisão de assistência federal para contribuir para os preparativos e a resposta perante o furacão.

A declaração autoriza o Departamento de Segurança Nacional e a Agência Federal de Gestão de Desastres (Fema) a coordenar a resposta ao furacão e tentar minimizar as consequências do ciclone nos condados do Bronx, Kings, Nova York, Queens, Richmond, Nassau e Suffolk.

A iniciativa presidencial chega depois que o prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, ordenou a evacuação obrigatória de todas as pessoas que vivam em áreas da cidade situadas abaixo do nível do mar, que são cerca de 250 mil. "Nunca antes tínhamos decretado a evacuação obrigatória e não o estaríamos fazendo agora se não achássemos que esta tempestade tem o potencial de ser muito séria", disse em entrevista coletiva o prefeito, pedindo aos cidadãos que não se deixem "enganar pelo sol desta sexta-feira".

Prevê-se que o Irene chegue no domingo a Nova York com categoria 1 e a evacuação obrigatória deve se concretizar por volta sas 17h do sábado (horário local, 18h de Brasília). A medida afeta as regiões litorâneas dos bairros de Brooklyn, Queens e Staten Island, incluindo as áreas de Battery Park City, o sul de Manhattan, onde se encontram Wall Street e o principal distrito financeiro do mundo, e Governor's Island.

A Autoridade Metropolitana do Transporte (MTA, na sigla em inglês) já confirmou que aumentará o serviço no sábado de manhã. Além das evacuações, as autoridades nova-iorquinas já começaram a esvaziar todos os hospitais, clínicas e asilos situados abaixo do nível do mar, que são um total de 22.

As autoridades também suspenderam até a segunda-feira todas as obras e se recomenda aos cidadãos evitar parques e jardins pelo risco de quedas de árvores e praias por causa da forte maré com a chegada de Irene, o primeiro furacão a ameaçar o território americano desde 2008, quando o Ike impactou no Texas.

terra.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

Membros deste blog e usuários das contas google, podem postar comentários.
Serão aprovados comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.
Serão aceitos comentários somente de seguidores deste blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...