22 de outubro de 2011

Fim do mundo não acontece e fundação ateísta cria campanha para desacreditar profecias

  


A Fundação Freedom From Religion [Pelo fim da religião], deu uma resposta às previsões catastróficas de Harold Camping, líder do ministério Family Radio.

A Fundação está começando uma campanha pedindo que as pessoas rejeitem não só as previsões de arrebatamento iminente, mas todas as “promessas religiosas infundadas”.

A campanha se chama “Você não me engana mais” e a nota diz: “Em vez de se preocupar com o desconhecido e o improvável, desperdiçar tempo, dinheiro e energia além de especular sobre coisas inexistentes deveriam tentar tornar este mundo melhor”.

Além de colocar cinco mensagens diferentes em outdoors na cidade de Oakland, Califórnia, cidade onde fica a sede da Family Radio liderada por Camping. A FFRF deseja combater a “fraude e engano” que muitas famílias e pessoas tem ouvido nos programas desse ministério de rádio.

As mensagens dos outdoors afirmam: “Todo dia é Dia do Julgamento. Julgue por si mesmo. Use a razão”, “Ainda estamos aqui. Vamos tentar tornar este mundo melhor”, “Nós confiamos na razão”. Eles criticam o fato de que, entre 2005 e 2009, a Family Radio levantou US$ 80 milhões.

“Há relatos de centenas de seguidores de Camping que venderam tudo o que tinham, dezenas e às vezes centenas de milhares de dólares para a organização de Camping”, afirma uma carta escrita pelo FFRF ao procurador-geral da Califórnia que está pedindo uma investigação de fraude na campanha do arrebatamento.

Dan Barker, co-diretor do FFRF, destacou na carta que os ensinamentos da Bíblia apenas ferem as pessoas, gerando uma teologia do medo: “Todas as gerações de cristãos tem ouvido falar que estão vivendo no fim dos tempos, de Paul aos Milleritas das Testemunhas de Jeová até a Family Radio. Eles ficam rindo enquanto se dirigem ao banco conferir sua conta” Dan Barker, é um ex-pastor evangélico que hoje combate a religião e escreveu livros como Godless [Sem Deus] e Losing Faith in Faith [Perdendo a Fé na Fé].

Mas a FFRF não está sozinho em suas críticas a Camping e sua campanha. Erik Thoennes, professor de teologia na Biola University, disse que se Camping se equivocou ao dizer que a “era da igreja” tinha acabado. Os cristãos, para Erik, deveriam responder e confrontar os ensinamentos antibíblicos de Camping e todos os chamados falsos profetas, mas sempre fazer isso com humildade.



http://www.eusoulivre.com/index.php?pag=noticia&id=4ea1b6d37468b

Nota.


Embora não tenha acontecido o tal arrebatamento, nem queda de meteoro ou outro evento que tenha dizimando a humanidade e causando o fim do mundo, para muita gente o mundo já acabou ou quase acabou.


Na Tailândia, mais de 300 pessoas já morreram por causa das enchentes.



Tailândia declara estado de desastre após piores inundações em 50 anos

Enchentes já causaram 345 mortes; 2,5 milhões estão desabrigados.
Cerca de mil fábricas já fecharam e parte da agricultura está arruinada.


Caminhões transportam tailandeses em áreas inundadas em Bangcoc (Foto: Reuters)
primeira-ministra da TailândiaYiungluck Shinawatra, declarou nesta sexta-feira (21) estado de desastre pela já considerada a pior inundação em meio século no país. A estimativa é de que nove milhões de pessoas tenham sido afetadas, incluindo 2,5 milhões de desabrigados.

Em seu discurso, Shinawatra disse que ordenou ao Exército proteger os locais estratégicos da capital, Bangcoc, como o aeroporto internacional de Suvarnabhumi, o Palácio Real e o Hospital Siriraj, onde está internado o rei Bhumibol Adulyadej.

A água que alaga o planalto central da Tailândia segue aumentando nesta sexta no perímetro de Bangcoc, cuja população foi novamente alertada.

http://g1.globo.com

Não é o que vai acontecer (fim do mundo, arrebatamento, dia do juízo, etc etc..) que deve realmente ser a primeira preocupação, o que deve se levar em conta também é:

 " Como é que você estará nesse momento"?
É tempo de se preparar.

Pensem nisso

Um abraço, bom fim de semana a todos.

Célio

0 comentários:

Postar um comentário

Membros deste blog e usuários das contas google, podem postar comentários.
Serão aprovados comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.
Serão aceitos comentários somente de seguidores deste blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...