27 de março de 2012

A Imundície..os abortos e o trono de Moloch


moloqueO retorno do infanticídio, do aborto e da eutanásia, e a perseguição anticristã: o velho paganismo retorna à sociedade, com a sede de sangue inocente típica de seus velhos e falsos deuses.
O altar do deus cananita Moloch possuía a estátua de um bezerro de bronze com uma fornalha em seu ventre onde, em honra à divindade, as mães depositavam seus próprios filhos. Para amenizar o horror dessas mães, os sacerdotes cuidavam para que as trombetas fossem tocadas bem alto afim de que não se ouvisse o choro infernal das crianças sacrificadas.
Este tipo de prática religiosa era também comum entre fenícios, amonitas e até entre os primeiros romanos, mas o cristianismo os fez aparentemente desaparecer. Por séculos, a prática do infanticídio permaneceu vista como expressão do próprio mal. O paganismo dos cátaros, a despeito de uma fé cega no transcendente, trouxe de volta o pesadelo do aborto e do suicídio como solução para a salvação em Cristo, em uma tentativa de transfigurar a fé cristã em seu oposto.
Hoje vemos por todo lado a defesa do aborto e do infanticídio (o “aborto pós-natal”), como método contraceptivo ou como meio de seleção artificial do seres humanos mediante a constatação de deformidade ou enfermidade incurável. Com isso, buscam escolher quem deve nascer a partir de critérios de valoração baseados em um sofrimento indesejável, como se houvesse sofrimentos desejáveis.
O paganismo é algo que subjaz na ideia do aborto, tal como o sacrifício de bebês era inerente ao culto a Moloch. A diferença da fé dos primeiros pagãos para com a dos últimos está no objeto adorado. E no caso presente, temos a chamada comunidade médica ou científica, mas podemos ampliar o rol de sacerdotes até alcançarmos os intelectuais do controle populacional, do planejamento familiar, etc. O derramamento de sangue inocente continua sendo a solução para aplacar sofrimentos humanos, tal como no paganismo primitivo. O trono de Moloch, portanto, permanece vivo como a chama de uma fornalha que é alimentada com sangue, com carne viva.
O mesmo cristianismo que substituiu as práticas a Moloch, tal como a tantos deuses pagãos na Antiguidade, é aquele que agora é atacado globalmente, justamente pelos filhos daquele que necessita de alimento, adoração e sacrifícios, e que aguarda nos altares secretos, montados em clínicas de aborto por toda a parte. É a revanche do paganismo cuja crueldade não foi capaz de vencer a misericórdia do novo mundo cristão que se tornou real.
Vingadas as suas perdas, pretendem eles estabelecerem um reino pagão, assemelhado ao que as Nações Unidas chamam de comunidade internacional, para o qual luta ardentemente uma tal United Religions Initiative, visando a emancipação de velhas crenças hoje periféricas, e que elevará o culto a Moloch finalmente ao status de religiosidade legítima.
Cristian Derosa é jornalista

Culto a Moloch: Sacrifícios e Abortos Criança, Bohemian Grove, rituais satânicos.
  
Nota: Eu quero dizer a você meu caro leitor, que desde eu entendi o que é a graça de Deus o Verdadeiro Pai de Amor, eu simplesmente me enojei daquela estória no antigo testamento, de que era preciso sacrificar animais para remissão de pecados. Deus o pai de Amor jamais se agradou dessa nojeira sanguinária, isso foi inventado por deuses pagãos, essa cambada de ETs como ENLIL (JEOVA) que vivia querendo o ouro a prata, o sangue de bodes e ovelhas e etc etc..além da adoração forçada das pessoas através do medo.


Quando se descobre a verdade sobre a nobre missão de Jesus/Yeshua, se tem noção do tamanho do engano que o mundo se encontrava e se encontra, ele mesmo foi que disse aos Judeus que eram filhos de Deus (O Jeovah): 

João 8:39 Responderam-lhe: Nosso pai é Abraão. Disse-lhes Jesus: Se sois filhos de Abraão, fazei as obras de Abraão.
João 8:40 Mas agora procurais matar-me, a mim que vos falei a verdade que de Deus ouvi; isso Abraão não fez.
João 8:41 Vós fazeis as obras de vosso pai. Replicaram-lhe eles: Nós não somos nascidos de prostituição; temos um Pai, que é Deus.(Jeovah)
João 8:42 Respondeu-lhes Jesus: Se Deus (O Verdadeiro Pai de Amor)  fosse o vosso Pai, vós me amaríeis, porque eu saí e vim de Deus; pois não vim de mim mesmo, mas ele me enviou.
João 8:43 Por que não compreendeis a minha linguagem? é porque não podeis ouvir a minha palavra.
João 8:44 Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira.

É hora de despertar para a verdade, Jeovah é deus pagão, não é pai de Jesus/Yeshua, verbo revelado, luz da verdade, que já existia antes de tudo.
Jeovah, esse Diabo Alienígena falso deus, com toda sua corja (soldados aliens, e outros híbridos) vive a milênios escravizando, cegando, roubando, matando e destruindo a humanidade, sempre foi assim, ou porque que você acha que a bíblia afirma que "o mundo jaz no malígno?"
Vem ai a libertação de todo esse engano, vem aí O FIEL E VERDADEIRO, aquele que vai dar cabo do Diabo e suas ostes, com Satanás o Dragão (Alien Draconiano) e suas bestas, e todos os demais que não se firmaram na verdade, nem guardaram o testemunho de fé de Jesus.
Você crê?
Maranata, quem viver verá.
Abraços a todos
Célio Siqueira


Em tempo: Abaixo segue o link da BÍBLIA HEBRAICA PESHITA,  EDIÇÃO 2008, UMA RARIDADE.
Seja membro deste blog
Compartilhe nossos posts no twitter, e nas redes sociais.
Siga este blog pelo twitter:http://twitter.com/celiofreedon 
ou facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100000416923559
  
 

1 comentários:

Postar um comentário

Membros deste blog e usuários das contas google, podem postar comentários.
Serão aprovados comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.
Serão aceitos comentários somente de seguidores deste blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...