1 de setembro de 2013

Ataque à Síria acontecerá mesmo sem aval do Congresso, dizem Estados Unidos - A verdade continua escondida.

Esta imagem está sendo compartilhada por milhares de membros nas redes sociais

 John Kerry, secretário de Estado dos Estados Unidos, afirmou neste domingo (1º) que o país atacará a Síria mesmo sem o aval do Congresso. Em entrevista a CNN, Kerry disse ainda que foi confirmado o uso de gás sarin pela Síria nos ataques a civis do país.
A descoberta foi feita depois de análise de amostras de cabelo e sangue de sírios que deram positivo para o gás. O gás sarin é uma substância tóxica que afeta o sistema nervoso. Seu uso é vetado pela comunidade internacional e o país que usá-lo pode receber severas intervenções internacionais.
Nota:
Amigos, temos falado constantemente disso que você vai ler abaixo.
Falamos das falcatruas dos vilões, das armações, dos ataques de falsas bandeiras, da guerras por interesses..Falamos da vinda da Nova Ordem Mundial, com seu regime fascista e autoritário.

Tudo que é divulgado pela mídia sionista, como a Rede Globo, sobre a Síria é propaganda pró-Israel que visa manipular a informação para que Assad se torne o novo Saddan Hussein, o novo Kadhafi e nós já sabemos o que aconteceu com o Iraque e a Líbia. Foram invadidos, o povo massacrado, os recursos energéticos pilhados e o Banco Central desses países servido de bandeja para a banca judaica.
Foi alertado que os Rothschild querem o Banco Central do Irã e na Síria as corporações petroleiras(Rockefeller) querem o controle sobre o gasoduto sírio. Infelizmente, apenas os blogueiros e sites alternativos de notícias estão informando sobre a verdade dos fatos.
O ataque químico com gás sarín não foi obra de Assad, foi um ataque terrorista perpetrado por mercenários pagos pelo eixo sionista, Israel/EUA/Qatar/Arábia Saudita/França. Em alguns casos usam imagens de mortes no Egito como sendo fato ocorrido na Síria. Qualquer mentira é útil quando se têm interesses financeiros sobre uma nação.
Os mercenários estão estuprando mulheres e crianças, decapitando civís, soldados sírios e destruindo cidades inteiras. Esta é a “democracia” promovida pelo governo israelense e estadunidense.
Como não vão encontrar prova alguma de que o gás foi usado pelo governo sírio, agora querem atacar a Síria sem descobrir os verdadeiros autores(os mercenários).
EUA: “É muito tarde tarde” para que a ONU investigue o suposto ataque químico
“Armas químicas e de destruição em massa” já foi um pretexto usado anteriormente para invadir o Iraque e a Líbia. Nós sabemos que foi tudo uma mentira descarada para permitir que corporações petroleiras pudessem entrar nesses países e roubar o petróleo, o gás, controlar gasodutos, minérios e colocar o Banco Central sob controle da banca judaica.
O mundo é governado por uma estrutura de poder financeira composta pelo CFR, Bilderberg, Comissão Trilateral, Banco Mundial, FMI, ONU e vários outros organismos criminosos que estão sob domínio dos banqueiros.
Não existe mais nações soberanas. Políticos e governos são fácilmente corrompidos, manda quem têm o dinheiro e como sabemos o dinheiro não é democrático.
A 3ª Guerra Mundial já começou e está sendo abafada pela mídia. Se limitam a demonizar Assad para enganar as massas. Apenas sites alternativos e blogueiros estão informando sobre a realidade dentro da síria.
Amigos: Conflitos como este da Síria, com a ataque invasão dos EUA e seus aliados, já estavam programados a muito tempo, nós já falamos sobre isso aqui.

General Americano confessa em 2007 que eles invadiriam 7 países em 5 anos.
EUA planejava desestabilizar 7 países em 5 anos

Nessa entrevista de 02 de Março de 2007, o General Wesley Clark, aposentado de 4 estrelas do Exército dos EUA e Comandante Supremo Aliado da OTAN durante a Guerra do Kosovo, relata um encontro com militares do Pentágono e a conversa que se estabeleceu a respeito da guerra no Médio Oriente.
http://celiosiqueira.blogspot.com.br/2011/10/general-americano-confessa-em-2007-que.html

Já causaram o terror no Iraque, Líbia, Egito, Afeganistão, agora vão a Síria, depois Irã, (O alvo maior), Venezuela, e sabe lá Deus que outros países serão atacados.


Veja abaixo a entrevista do Cineasta Aaron Russo.

Aaron Russo foi candidato ao governo de nevada com 30% dos votos do partido republicano, mais tarde mudou para os democratas, foi diretor de cinema em Hollywood e fez vários documentários denunciando o NAFTA (Mad in Hell) e outros. Ele descortina aqui o que ouviu de Nicholas Rockefeller 11 meses antes do atentado de 11 de setembro. Aaron morreu de câncer de bexiga. Sua entrevista tem 70 min de verdades aterrorizantes. Ele era amigo de Nick Rockefeller.
Na entrevista, ele também confirma o plano de invasão dos países do oriente médio.


Estamos acompanhando tudo, e vendo que o que postamos a tempos atrás está se confirmando.

Estamos de olho,
Abração
Célio

Compartilhe no G+,  nas redes sociais e twitter.
Siga este blog pelo twitter:http://twitter.com/celiofreedon 

1 comentários:

Postar um comentário

Membros deste blog e usuários das contas google, podem postar comentários.
Serão aprovados comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.
Serão aceitos comentários somente de seguidores deste blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...